Skip to content

Médico indiciado e detido em São Paulo por homicídio doloso é solto

0Comments

Médico indiciado e detido em São Paulo por homicídio doloso é solto

☉ Dec 20, 2023
1 views
Spread the love

O médico João Batista do Couto Neto foi solto nesta terça-feira (19), após obter liminar da Justiça. Ele havia sido detido durante um atendimento no Hospital Municipal de Caçapava (SP), na quinta-feira (14), indiciado por homicídio doloso qualificado de três pacientes, pela Justiça do Rio Grande do Sul, em novembro.

Couto Neto mudou-se do estado para o interior de São Paulo e continuou exercendo a profissão. A polícia já tinha um mandado de prisão preventiva contra ele, expedido pela Vara do Júri da Comarca de Novo Hamburgo, no Rio Grande do Sul, no dia 12.

O delegado responsável pelo caso, Tarcísio Kaltbach, esclareceu, no dia da detenção do médico, que o indiciamento se deu por homicídio doloso qualificado pelo motivo torpe, meio cruel, recurso que dificultou a defesa da vítima, agravado por violação de dever inerente à profissão e praticado contra vítima maior de 60 anos de idade. O delegado disse que o médico Couto Neto, se condenado, pode receber pena de reclusão que varia de 12 e 30 anos.

ebc
https://agenciabrasil.ebc.com.br

Ciclone Akará perde força e retorna a estágio de depressão tropical

Botafogo começa caminhada por vaga na fase de grupos da Libertadores

Nenhuma aposta acerta a Mega-Sena e prêmio vai a R$ 97 milhões

Empresa responsável por obras em prédio que desabou no Rio é condenada

Caixa paga novo Bolsa Família a beneficiários com NIS de final 4

Flamengo goleia Boavista e se classifica para semifinais do Carioca

Copa de 2027: Rio de Janeiro recebe delegação de inspeção da Fifa


Justiça