Skip to content

Ocupação nos hotéis do Rio foi de 71,11%, em 2023

0Comments

Ocupação nos hotéis do Rio foi de 71,11%, em 2023

☉ Jan 11, 2024
0 views
Spread the love

Pesquisa divulgada nesta quinta-feira (11) pelo Sindicato Patronal dos Meios de Hospedagem da Cidade do Rio de Janeiro (HotéisRIO) mostra que a ocupação hoteleira na capital fluminense fechou 2023 com média de 71,11%, melhor resultado dos últimos 6 anos. Os melhores índices foram registrados nos meses de janeiro (82,85%) e novembro (81,98%).

O histórico dos números sinaliza para uma clara tendência de alta. Em 2018, a média ficou em 53,66%; em 2019, registrou 64,55%. Durante os anos da pandemia da covid-19, entretanto, ocorreu redução dos índices. Em 2020, atingiu 44,06% e, em 2021, 48,73%. O ano de 2022 já apresentou retomada, com 65%.

Na avaliação do presidente do HotéisRIO, Alfredo Lopes, esse recorde de ocupação na rede hoteleira carioca resultou de um trabalho conjunto de promoção e divulgação pela prefeitura, governo do estado e iniciativa privada. “Nós participamos de todo calendário de feiras nacionais e internacionais, e também de eventos que nós produzimos no mercado doméstico e internacional”. 

Lopes destacou a qualidade dos empreendimentos hoteleiros. “Hoje, a gente tem aqui no Rio de Janeiro uma rede de hotéis ultramoderna, feita para as Olimpíadas [de 2016], e também retrofitada. Os hotéis da cidade que eram mais antigos [estão] totalmente atualizados, e a gente acha que, realmente, o Rio é um polo turístico mundial”.

Segurança

Lopes avalia que, se o município conseguir uma solução mais efetiva para o quesito segurança, “com certeza, em breve, nós estaríamos construindo mais hotéis para fazer frente à enorme demanda que teríamos de turistas aqui na cidade”. 

Segundo o presidente do HotéisRIO, quando a ocupação dos hotéis está alta, “todos ganham com isso, comércio, shoppings, entretenimento, pontos turísticos. É entrando recursos imediatamente na cidade com a chegada do turista”. 

Lopes acredita que, com os investimentos que o Aeroporto do Galeão vai receber, “reforçaremos nossa condição de hub [plataforma] aéreo, incrementando ainda mais o fluxo de turistas para nossa cidade”.

De acordo com dados da Prefeitura do Rio de Janeiro, o setor de turismo vem apresentando recuperação. A arrecadação de Imposto sobre Serviços (ISS), por exemplo, tem registrado crescimento, passando de R$ 127,2 milhões, em 2021, para R$ 255,4 milhões, em 2022, e R$ 340,9 milhões, em 2023. 

Para Alfredo Lopes, isso é resultado do aumento de turistas na cidade. Em 2022, foram 3,1 milhões, número que evoluiu para 6,1 milhões no ano passado.

ebc
https://agenciabrasil.ebc.com.br

Fluminense conquista título da Recopa Sul-Americana sobre a LDU

Chances de pouso suave da economia global sobem, diz documento do G20

STM tem dois votos para reduzir penas de militares por mortes no Rio

Rio registra caso de febre oropouche em morador que viajou ao Amazonas

Mega-sena acumula novamente e prêmio pode chegar a R$ 185 milhões

Mega-sena acumula novamente e tem prêmio pode chegar a R$ 185 milhões

STF suspende concurso da PM de Minas por limitar seleção de mulheres


Geral